Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


  

"Novas regras fazem crescer o PIB, mais do que inicialmente previsto", acabo de ler no site da RR. Econtinua a notícia:  "O tráfico de droga, a prostituição e o contrabando de tabaco e de álcool também vão contar para apurar a riqueza do país. A integração destas actividades no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) decorre do novo sistema europeu de contas que entra em vigor a partir de Setembro. O novo método de cálculo das contas nacionais vai fazer aumentar o PIB em cerca de 2,5%. As estimativas iniciais apontavam para uma variação entre 1 e 2%. Uma alteração que decorre de novas regras de contabilização da despesa em investigação e desenvolvimento, da reclassificação de entidades públicas, da transferência de fundos de pensões ou do registo de despesas militares. Mas o PIB também vai crescer pela integração de actividades ilícitas, como a prostituição, o tráfico de droga ou o contrabando de tabaco e do álcool. De acordo com as melhores estimativas do INE, estas actividades valem 0,4% do PIB: qualquer coisa como 650 milhões de euros que até agora não eram contabilizados na riqueza do país."

 

Será que recuamos a 1 de Abril? Alguém me explica isto?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D